Excesso de açúcar: Entenda os riscos para a saúde bucal

30

Os efeitos do açúcar nos dentes podem não ser manifestados imediatamente, mas caso a pessoa não tenha atenção e cuidado, poderá haver consequências.

Entenda o quão prejudicial é o excesso de açúcar para a saúde bucal.

Qual é o efeito do açúcar no dente?

Quando as pessoas consomem alimentos composto por açúcares ou carboidratos, possivelmente esses alimentos causarão danos sérios à saúde bucal.

Geralmente são comidas muito refinadas, processadas que são cobertas por muitas embalagens.

Esses alimentos industrializados contêm muito açúcar, é fundamental estar sempre atento a quantidade.

Quando são consumidos de forma excessiva e compulsiva, a saliva passa a ficar mais ácida e os dentes passam a perder os seus minerais essenciais para a firmeza de sua estrutura.

Comumente sua composição é feita de uma textura mais pegajosa, isso irá facilitar para que fique aderida aos dentes, podendo desencadear a formação do biofilme, que são camadas de placas bacterianas. Fazendo com que as chances das cáries sejam altas.

  1. Cáries dentárias

A cárie é uma doença multifatorial e crônica que precisa ser avaliada como um todo, desde os sinais de sintomas até os fatores envolvidos.

Na maioria das vezes, ela é causada pelo desequilíbrio, pelo dente o meio fluido bocal, ou seja, algumas pessoas fazem a junção do alto consumo de alimentos que são ricos em açúcares, carboidratos e ainda não realizam a escovação da forma correta.

Quando ela está no estágio inicial, passa a corroer o esmalte do dente, que é a parte branca, deixando amarelado. Nesse estado, é realizado o tratamento por meio da restauração.

Nessa restauração, o dentista fará a remoção da parte danificada do dente e preencherá a cavidade com a resina.

Ao danificar o esmalte, o dente não ficará com a pigmentação ideal, é possível que os pacientes façam um clareamento dentário, para que fique com uma boa estética.

Mas caso ela se encontre no caso avançado, que já está envolvendo a dentina e a polpa do dente, que são as partes vivas, sendo necessário a solicitação de um endodontista, dentista especialista em canal.

  1. Ganho de peso

Esse ganho de peso causado pelo consumo excessivo de açúcar vem em forma de gordura, não sendo saudável para o corpo.

O açúcar é muito calórico, então irá contribuir muito para esse ganho, além de ser inflamatório, ele causará dificuldades para a pessoa emagrecer.

Quando a pessoa está acima do peso, elas são mais suscetíveis a doenças bucais como gengivite, que é uma inflamação na gengiva.

Isso acontece porque o ganho de peso causa uma alteração no sistema imunológico do paciente, fazendo com que ele fique mais vulnerável a doenças.

  1. Gengivite

A gengivite é um dos primeiros sinais de inflamação gengival, ela existe porque há um acúmulo de alimento entre os dentes.

Com esse acúmulo, as bactérias vão liberando toxinas que causam sangramento e o mau hálito.

Se ela não for bem tratada, poderá ocorrer o amolecimento dos tecidos que seguram o dente, podendo resultar até mesmo na perda dele, sendo necessário utilização de uma prótese fixa.

Essa evolução da gengivite é chamada de periodontite.

  1. Periodontite

A periodontite passa a atingir as regiões que têm suporte do dente (o ligamento), fazendo com que esse osso seja perdido, levando à perda do dente.

Ela deve ser tratada o mais rápido possível, porque uma ausência do dente pode trazer diversas consequências.

Se a pessoa ficar sem o dente por muito tempo poderá causar o desgaste, fazendo com que ela morda de um lado só e as dentições próximas poderão ficar amolecidas, querendo tomar o lugar do dente ausente.

Importante que o paciente faça o tratamento através do implante dentário, colocando outro dente para substituir.

  1. Desgaste do dente

Esse desgaste pode ser conhecido como abfração dentária, podendo gerar um incômodo para o paciente, tanto na questão de sensibilidade, porque os dentes desgastados ficam mais sensíveis, quanto na questão estética.

Para fazer o tratamento, pode ser utilizada a restauração de resinas para que a parte desgastada possa ser recoberta.

Na questão da estética, fazendo o tratamento com a faceta em resina, ela irá modular o formato dos dentes, sucedendo uma melhor forma e pigmentação. 

  1. Tratamento ortodôntico

Quando a pessoa faz tratamento com algum tipo de aparelho ortodôntico, é bem comum que os alimentos fiquem entre os dentes.

Por isso, é importante se atentar à escovação ao fazer a utilização de algum tipo de aparelho móvel fixo ou até mesmo alinhadores invisíveis.

Uma infecção poderá retardar o tratamento  trazendo consequências para a saúde vocal. 

É necessário eliminar completamente o consumo das guloseimas?

Não, mas deve fazer o consumo consciente do açúcar. Ele não deve ser ingerido várias vezes ao dia e a todo momento, mas sim em momentos específicos, como, uma sobremesa ou na hora do lanche, sempre que possível faça a substituição.

Quanto mais orgânico e quanto mais natural, melhor para a saúde. Quanto menos embalagem o produto tiver, melhor o alimento. 

Ao escolher os lanches, é possível optar por alimentos mais nutritivos como:

  • Vegetais crus;
  • Queijos;
  • Iogurte naturais;
  • Pedaços de frutas.

É fundamental manter a saúde bucal em dia, escovando os dentes todos os dias após as refeições, utilizando pasta de dente fluoretada, ou seja, com flúor e fazendo o uso do fio dental, não esquecendo a higiene da língua.

Dicas para diminuir o consumo de açúcar

Se esforce para comer alimentos mais naturais, uma coisa que algumas pessoas não sabem, que alimentos processados muitas vezes têm açúcar adicionado, para aumentar sua validade.

Se a prioridade for o consumo de alimentos mais frescos, conseguirá diminuir a quantidade de açúcar, sem perceber no dia a dia.

  1. Leia os rótulos

É importante que leia os rótulos dos alimentos, e nas listas dos ingredientes, veja se encontra o “açúcar adicionado” ele pode estar como sacarose, como açúcar ou até mesmo xarope de glicose.

 Se encontrar alguns desses ingredientes, faça uma análise e repense se não tem algo mais saudável, que tenha uma menor quantidade de açúcar para ingerir. 

  1. Tempero de comidas e bebidas

Ao colocar um pouco de canela no café, nem é necessário colocar açúcar porque ela já tem um aroma mais adocicado.

A noz moscada também pode substituir o açúcar, juntamente ao cravo. Esses produtos naturais poderão ser tão eficientes quanto o açúcar, de uma forma natural.

O tempero doce é muito importante e às vezes pode não retirar o açúcar completamente, mas pode diminuí-lo de forma significativa.

Se houver dificuldade de se abster do açúcar, faça a eliminação dele aos poucos para que o organismo possa acostumar-se com sua ausência. Com uma boa alimentação e ingestão moderada do açúcar, irá beneficiar o corpo e a saúde bucal.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que está satisfeito com ele. Aceito Consulte mais informação