Quais são os cuidados após a retirada do dente do siso

308

Muitas pessoas ficam intimidadas ao ouvir sobre o dente do siso, já pensando na dor que isso pode causar e até mesmo considerando a cirurgia para removê-los. 

Porém, esse é um procedimento fundamental para manter uma saúde bucal adequada, e o pós-operatório da retirada do dente do siso ficará muito mais tranquilo ao seguir algumas recomendações.

Como qualquer procedimento cirúrgico, a extração do dente do siso requer alguns cuidados importantes antes e depois.

Neste artigo, vamos nos aprofundar nos principais cuidados após a extração dos dentes do siso.

O que são os dentes do siso?

Os dentes do siso são chamados de “do juízo” e são os últimos molares a aparecer em nossa arcada dentária. Ele é conhecido por esse nome justamente por terem nascido no início da idade adulta.

Devido ao seu nascimento e desenvolvimento tardios, as arcadas dentárias já são preenchidas por dentes “essenciais” que desempenham funções importantes, como a mastigação. 

Dessa forma, eles não têm muito espaço para ficar na boca, o que é um dos principais motivos pelos quais os dentes do siso precisam ser removidos cirurgicamente.

Quando é necessária a cirurgia dos dentes do siso?

Embora geralmente começam a aparecer na idade adulta, a cirurgia para remover esse tipo de dente nem sempre é necessária quando ele está formado e, portanto, é preocupante.

Caso uma pessoa tenha uma mandíbula mais longa para permitir que 4 dentes do siso caibam no arco, não há necessidade de removê-los, a menos que criem complicações mais sérias.

Nesse caso, é necessário procurar um dentista, por exemplo, para realizar uma cirurgia em um dentista 24 horas.

Em casos mais comuns, os dentes não se encaixam bem na boca e precisam ser extraídos, principalmente se apresentarem sintomas, como:

  • Dor de dente;
  • Sensibilidade;
  • Dificuldade para morder;
  • Molares desalinhados.

Quando esses sintomas ocorrem após o nascimento dos dentes do siso, é importante procurar ajuda de um especialista para uma avaliação mais adequada, como em um consultório de odontologia.

No entanto, o conselho dos principais especialistas na área de odontologia é que as pessoas façam uma avaliação preventiva, antes mesmo de nascerem os dentes do siso para determinar se eles precisarão ser extraídos no futuro.

Como funciona a cirurgia para retirada do dente do siso?

Apesar de assustar muita gente, os dentes do siso são removidos, se necessário, da mesma forma que qualquer outro da boca.

É um procedimento cirúrgico em que a anestesia é aplicada primeiro perto do dente para que o paciente não sinta desconforto durante o procedimento de remoção do siso – processo bem parecido para a colocação da prótese dentária fixa.

Após a aplicação do anestésico, o dentista leva em média cerca de 30 minutos para retirar o dente. Dependendo da condição de cada elemento e da arcada, esse tempo pode ser maior ou menor.

Quais são os problemas mais comuns após a cirurgia do dente do siso?

Como dissemos, assim como em qualquer outra cirurgia, os pacientes precisam ser cuidadosos no pós-operatório para evitar problemas mais graves. 

No entanto, muitas pessoas não prestam atenção a essas considerações adequadamente, levando a alguns problemas comuns, como:

  • Inchaço na gengiva;
  • Dor ao mastigar;
  • Inflamação ou presença de abcesso;
  • Sangramento ao mastigar alimentos mais duros.

Os primeiros cinco dias após a cirurgia são os mais importantes, sendo preciso seguir atentamente as orientações de um profissional responsável, como um dentista de emergência 24 horas, para evitar esses problemas.

Que conselhos e cuidados existem após a cirurgia dos dentes do siso?

Por fim, é importante destacar os principais conselhos e cuidados que os dentistas costumam dar aos seus pacientes para ajudar a evitar os problemas mencionados acima.

Em geral, os cuidados são semelhantes a outros cuidados prestados por um profissional de cirurgia odontológica, como repouso para evitar sangramento, aplicação de gelo na área para evitar inchaço e o uso de medicamentos adequados para evitar dor, etc.

Além disso, é muito comum que nos primeiros dias, você precise ingerir apenas alimentos líquidos ou pastosos e gelados, para que a recuperação seja mais rápida. E aos poucos, voltará à dieta normal.

Evitar a movimentação da musculatura oral, diminuir a fala, escovar com cuidado redobrado, ajustar a dieta conforme citamos acima e evitar bochechos são outras medidas preventivas que podem ser importantes para um bom pós-operatório.

Usamos cookies para garantir que oferecemos a melhor experiência em nosso site. Se você continuar a usar este site, assumiremos que está satisfeito com ele. Aceito Consulte mais informação

Ads Blocker Image Powered by Code Help Pro

Bloqueador de anúncios detectado!!!

Detectamos que você está usando extensões para bloquear anúncios. Por favor, ajude-nos desativando esse bloqueador de anúncios.

Powered By
Best Wordpress Adblock Detecting Plugin | CHP Adblock